Rafael Gallo diz que vencer o Prémio José Saramago é “um sonho difícil de descrever”

O escritor brasileiro é admirador da obra de José Saramago e conta que já leu quase todos os livros do português que venceu o Nobel da Literatura.

O escritor brasileiro Rafael Gallo, vencedor do Prémio José Saramago de 2022, considerou que a distinção é “um sonho difícil de descrever” pela admiração que tem por Saramago e pela “história difícil” com o romance. “Para mim é um sonho difícil de descrever”, resumiu o escritor que venceu esta segunda-feira o P rémio José Saramago, no valor de 40.000 euros, pelo seu romance “Dor fantasma”, que será publicado em Portugal pela Porto Editora. Admirador da obra de José Saramago, Rafael Gallo conta que já leu quase todos os livros do português que venceu o Nobel da Literatura, mas…

Leia tudo em sicnoticias

Outras noticias:

"Há mais leitores e carinho por Saramago do que supunhamos"
Escritor brasileiro Rafael Gallo vence Prémio José Saramago 2022
Bárbara Bandeira melhor artista portuguesa nos prémios MTV Europa